Mês: fevereiro 2019

Tribunal de Justiça absolve sacerdote acusado injustamente por fiscal federal

No último dia 20 de fevereiro a 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo absolveu, por unanimidade, o Tata Nkisi Katuvanjesi, jornalista Walmir Damasceno, acusado injustamente por uma fiscal federal agropecuária Em março de 2015 o Tata Katuvanjesi, Presidente do ILABANTU – Instituto Latino Americano de Tradições Afro-Bantu, desembarcou no aeroporto de Guarulhos, vindo de Luanda/Angola, trazendo em sua bagagem ...

LEIA MAIS...

As várias dimensões do racismo religioso

Prefeitura de Salvador desrespeita religiões de matriz africana e tira nome de Yemanjá de festa O racismo religioso, da Prefeitura de Salvador, ao substituir o nome da Festa de Yemanjá, em seus materiais de divulgação, usando a nomenclatura de "Festa de 2 de Fevereiro", em placas de rua, não deve nada à outras formas de manifestação, da intolerância religiosa brasileira. O preconceito, contra as religiões ...

LEIA MAIS...

Record pede acordo para religiões Afro e atende a justiça

TV Record fecha acordo após ser condenada a custear e exibir programas sobre as religiões afro-brasileiras O grupo que mantém uma das maiores redes de televisão pública do Brasil decidiu fechar acordo após ser condenada em 2018 a cumprir direito de resposta previsto em lei, por ter exibido programas na TV Record e na extinta Rede Mulher que associavam as religiões afro-brasileiras ao “demônio”, além ...

LEIA MAIS...

HORA CERTA

ENCONTRAR NO SITE

Cartilha de Deveres e Obrigações dos Sacerdotes

SOBRE MIM...

Ogan Basilio D'Xangô

Advogado, umbandista, defensor das causas do povo de santo.

Pré Candidato a Vereador, pois, quem é do AXÉ vota no AXÉ!

SIGA-NOS NAS REDES...

IV PRÊMIO ÀSÉ - ISESE 2018